Aumento de pontos no final da carreira – Passo a passo | Croche.com.br

Aumento de pontos no final da carreira – Passo a passo

Encontrou o gráfico de um trabalho maravilhoso e não está conseguindo fazer? Neste passo a passo vou explicar de forma simples como interpretar o gráfico, calcular a quantidade de correntes para iniciar um trabalho e aumentar a quantidade de pontos no início ou no final da carreira. (Link para download do gráfico no final da postagem)

Para o passo a passo estou utilizando o fio Barroco Maxcolor nº 6 da Círculo S.A  e a agulha soft número 3, mas não importa o fio, espessura ou numeração de agulha.

Aumentar o número de pontos no final da carreira é uma das principais dúvidas para os iniciantes, depois destas explicações tenho certeza que vocês vão se tornar um(a) Expert :)

Aumento de pontos no final da carreira 1

Interpretar o gráfico

01 – Vamos começar entendendo o que significa o gráfico? Este gráfico que escolhi (primeira imagem) não tem uma base retangular formando a borda do tapete/trilho, para formar o desenho precisamos aumentar ou diminuir a quantidade de pontos no início ou no final da carreira.

grafico-detalhe-004

Observe que ele é diferente deste que tem uma base retangular… ( Gostou deste modelo abaixo? Tem o passo a passo AQUI)

com-base-retangular

 

02 – Os quadros com um “x” representam um conjunto com 4 pontos altos, já os quadros vazios são formados por 1 ponto alto, duas correntes de espaço e ponto alto novamente. Nas imagens abaixo fiz a conversão, veja que os quadradinhos foram substituídos por indicação de pontos, neste caso os desenhos representam pontos altos.

grafico-detalhe-005    graficos-001

03 – Você pode encontrar gráficos com os quadros separados entre mais escuros e mais claro, a cor mais escura serve apenas para detalhar o desenho e definir onde teremos um bloquinho com pontos altos ou bloquinho com espaço de duas correntes. Em qualquer uma das formas será convertido para a forma apresentada abaixo:

detalhe-1

Como calcular a quantidade de correntes para iniciar?

04 – No crochê filé sempre utilizamos parte do cordão de correntes par formar um dos pontos altos. Eu particularmente utilizo 4 correntes sendo 3 para dar altura de um ponto alto e uma corrente para servir de base para este mesmo ponto. Para fazer a conta de quantas correntes vai precisar é fácil, conte a quantidade de quadros, multiplique por 3 e adicione as 4 correntes que vão formar o último ponto alto.

grafico-detalhe-001

05- No exemplo acima o trabalho começa com 7 quadradinhos então a conta fica assim:

Então fiz um cordão com 25 correntes.

aumentar-e-diminuir-pontos-1

06 – Volte na 5ª corrente (contando da agulha para trás) e faça ponto alto, veja que as 4 correntes formaram 1 ponto alto.

aumentar-e-diminuir-pontos-2 aumentar-e-diminuir-pontos-3

07 -Sendo assim tenho a primeira carreira do trabalho com 22 pontos altos (21 + as correntes) que formam os 7 bloquinhos do trabalho

grafico-detalhe-001 aumentar-e-diminuir-pontos-4 aumentar-e-diminuir-pontos-5

08 – Já a segunda carreira do trabalho inicia e termina com 2 quadros a mais que a base do trabalho… Para aumentar o número de bloquinhos no início de uma carreira é simples, para a primeiro quadradinho faça 6 correntes e para cada uma a mais além da primeira faça 3 correntes. (Ex, para um quadradinho faça 6 correntes… para dois quadradinhos faça 6+3, para três quadradinhos são 6+3+3… e assim por diante)

grafico-detalhe-002  aumentar-e-diminuir-pontos-7

09 – Volte com ponto alto sempre na 5ª corrente para que 4 correntes fique sobrando para formar o primeiro ponto alto. O último ponto alto que completa os 2 bloquinhos é feito em cima do último ponto de base da primeira carreira.

aumentar-e-diminuir-pontos-8 aumentar-e-diminuir-pontos-9 aumentar-e-diminuir-pontos-10

10 – Com mais 3 pontos altos em cima dos pontos de base teremos o terceiro bloquinho pronto.

aumentar-e-diminuir-pontos-11

11 – Para fazer o quadradinho vazio basta fazer duas correntes, pular 2 pontos de base e fazer ponto alto. Agora ficou claro que o “x” ou quadradinho colorido quer dizer que ele é cheio, preenchido com 2 pontos altos enquanto quadradinho vazio tem o espaço de 2 pontos altos.

aumentar-e-diminuir-pontos-12 aumentar-e-diminuir-pontos-13 aumentar-e-diminuir-pontos-14 aumentar-e-diminuir-pontos-15

12 – Ainda na segunda carreira temos uma sequencia de 5 quadradinhos vazios, eles ficam assim

aumentar-e-diminuir-pontos-16 aumentar-e-diminuir-pontos-17

13 – Chegando no final da segunda carreira temos novamente 3 quadradinhos cheios, o primeiro é feito em cima dos pontos de base da primeira carreira, já os demais não tem pontos de base para fazer? Aqui que está a dúvida de maioria das pessoas…

aumentar-e-diminuir-pontos-18 aumentar-e-diminuir-pontos-19

14 – Para fazer o primeiro ponto passando enrole o fio duas vezes na agulha, (isso mesmo, faremos um ponto alto duplo)

aumentar-e-diminuir-pontos-20

15 – Introduza a agulha no pé do último ponto de base, puxe a primeira laçada mas não alongue muito e passe por duas laçadas da agulha, fazendo ele mais apertado vai ficar mais parecido com um ponto baixo.

aumentar-e-diminuir-pontos-21 aumentar-e-diminuir-pontos-22 aumentar-e-diminuir-pontos-23

16 – Agora sim, alongue mais as laçadas e faça o ponto alto normalmente em duas fazes já que temos 3 laçadas na agulha.

aumentar-e-diminuir-pontos-24 aumentar-e-diminuir-pontos-25

17 – O segundo ponto será feito pegando no pé do ponto alto duplo, veja que indiquei com a agulha que tem 2 fios bem visíveis. Basta enrolar o fio duas vezes na agulha, fazer a primeira fase um pouco mais apertado e depois fazer o ponto alto normalmente… Com 3 pontos a mais teremos o primeiro quadradinho passando.

aumentar-e-diminuir-pontos-26 aumentar-e-diminuir-pontos-27 aumentar-e-diminuir-pontos-28 aumentar-e-diminuir-pontos-29 aumentar-e-diminuir-pontos-30 aumentar-e-diminuir-pontos-31 aumentar-e-diminuir-pontos-32

18 – Viram que fácil! Para fazer 2 quadradinhos passando são 6 pontos altos. Como explicado anteriormente o primeiro bloquinho tem 4 pontos altos (o  bloquinho que fizemos em cima da carreira anterior) já para formar os demais bloquinhos são 3 pontos altos), mas atenção, se tem intervalo de quadradinho vazio a contagem precisa ser reiniciada.

aumentar-e-diminuir-pontos-33 aumentar-e-diminuir-pontos-34 aumentar-e-diminuir-pontos-35 aumentar-e-diminuir-pontos-36 aumentar-e-diminuir-pontos-37

Atenção: Vou pular a terceira carreira para explicar outro aumento de pontos; o de quadradinho vazio.

19 – Observe a quarta carreira inicia com 3 bloquinhos cheios e em seguida tem um bloquinho vazio. Independente do lado que você olhar vai ter este bloquinho. Quando ele for no início é mais fácil, basta calcular a quantidade de correntes normalmente, virar o trabalho e voltar fazendo os pontos altos para formar o bloquinho fechado e quando chegar no bloquinho vazio faça duas correntes, pule duas correntes de base e faça ponto alto normalmente já que teremos as correntes de base.

aumentar-e-diminuir-pontos-38 aumentar-e-diminuir-pontos-39

20 – Quando o bloquinho vazio for no final não teremos as correntes de base… Neste caso faça duas correntes (que vai ficar no alto do bloquinho) enrole o fio 3 vezes na agulha e vamos fazer ponto alto triplo com uma pequena diferença.

aumentar-e-diminuir-pontos-40 aumentar-e-diminuir-pontos-41 aumentar-e-diminuir-pontos-42

21 – Introduza a agulha no pé do último ponto de base, alongue bem o fio e passe a laçada em duas alças das 5 que temos na agulha. Pegue a laçada novamente e passe em mais duas laçadas, mas desta vez sem alongar muito. Veja que vai ficar semelhante ao ponto alto deitado e no mesmo comprimento das duas correntes que fizemos.

aumentar-e-diminuir-pontos-43 aumentar-e-diminuir-pontos-44 aumentar-e-diminuir-pontos-45 aumentar-e-diminuir-pontos-46

22 – Com as 3 alças que sobraram na agulha faça ponto alto normalmente, veja como ficou!

aumentar-e-diminuir-pontos-47

23 – Para continuar fazendo ponto alto enrole o fio duas vezes na agulha e introduza no pé do ponto alto, ou seja, no ponto que você fez sem alongar a laçada ao terminar o ponto alto que ficou deitado.

aumentar-e-diminuir-pontos-48 aumentar-e-diminuir-pontos-49 aumentar-e-diminuir-pontos-50 aumentar-e-diminuir-pontos-51 aumentar-e-diminuir-pontos-52

Iniciar uma nova carreira na mesma direção da anterior ou com menos bloquinhos

24 – Vire o trabalho chegar no final da carreira, faça 3 correntes e continue com ponto alto em cima de ponto alto. Observe que na terceira imagem apontei com a agulha que o ponto alto é feito no segundo ponto de base já que as correntes formam o primeiro ponto e já está na direção do primeiro ponto de base. Se o bloquinho for vazio, após virar faça 5 correntes, pule 2 pontos de base e faça ponto alto… assim quando concluir a carreira seguinte o último ponto será feito na terceira das 5 correntes.

aumentar-e-diminuir-pontos-53 aumentar-e-diminuir-pontos-54 aumentar-e-diminuir-pontos-55 aumentar-e-diminuir-pontos-56

25 – Se a carreira seguinte começa com menos bloquinhos ao virar o trabalho faça ponto baixíssimo e siga com ponto baixíssimo nos pontos de base até alcanças a quantidade correspondente ao que precisa sobrar. A contagem é sempre igual expliquei mais acima, para o primeiro bloquinho são 4 pontos de base e para cada bloquinho além do primeiro são 3 pontos de base.

aumentar-e-diminuir-pontos-57 aumentar-e-diminuir-pontos-58 aumentar-e-diminuir-pontos-59 aumentar-e-diminuir-pontos-63

26 – Neste exemplo vou iniciar a próxima carreira com menos um bloquinho em relação a última… Siga com ponto baixíssimo até o 4º ponto de base, faça 3 correntes para formar o primeiro ponto alto (que vai ficar na mesma direção do 4º ponto de base) e continue com ponto alto normalmente. Se precisasse pular 2 bloquinhos seguiria com ponto baixíssimo até o 7º ponto de base (4 para o primeiro e + 3 para o segundo)

aumentar-e-diminuir-pontos-64 aumentar-e-diminuir-pontos-65 aumentar-e-diminuir-pontos-66

E agora, ficou fácil? Então faça o download do gráfico e mãos a obra. Se ainda restou dúvida deixe seu comentário ou envie uma mensagem através do formulário de contatos e responderei.

Utilize os botões de redes sociais para compartilhar os trabalhos do blog! Desde já serei muito grato.

Um forte abraço e tudo de bom sempre.

79 comentários em “Aumento de pontos no final da carreira – Passo a passo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

A moderação de comentário está ativo. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

  1. Meu Deus,quanta alegria ao encontrar alguém que ensinou essa aula. Eu faço crochê, mas não sabia aumentar os pontos. Que Deusar te abençoe!

    1. :) Que coisa boa saber que consegui ajudar você!
      Um forte abraço Iris. Que Deus abençoe a todos nós sempre.

  2. Olá vc salvou minha vida não conseguia lembrar como fazer aumento de pontos no final da carreira e com as fotos ficou absolutamente claro.

    1. :) Obaaaa fico feliz que tenha gostado de encontrar este artigo e que tenha aprendido com ele. Um grande beijo minha amiga.

  3. Amei a explicação! Queria muito entender como eram feitos esses pontinhos a mais. Obrigada!!
    Seu site é show!

  4. Muito bom, interessante, meu pai acha crochê uma tarefa feminina mas até meu avô(materno) trabalha com couro(selas,etc.). Obrigado, há matemática até no crochê. Só Deus pra dar tamanha sabedoria ao homem(mulheres também). Gostaria de encomendar estes modelos de linha e agulha sem frete ou baixo, poderia me ajudar?

    1. Oi Gilherme,
      Acredito que Gênero não determina o que devemos ou não fazer, arte em couro também é um trabalho manual e só muda a matéria prima rsrsrs. Aliás, Alfaiate eram na maioria homens!
      Quanto aos produtos, infelizmente não vendo e por isso não consigo atender sua demanda :(

  5. Muito grata por esse passo a passo. Exatamente o eu queria e precisava. Procurava à tempos…

  6. Bom dia
    Adorei essa explicação pois não sabia como fazer esses aumentos, sempre começava pelo meio da peça e virava para fazer o outro lado.
    Obrigada
    Um abraço

    1. :) Oi Maria! Que bom que podemos compartilhar nosso aprendizado, fico feliz que você tenha aprendido um pouquinho mais aqui no blog. Forte abraço e tudo de bom sempre!!!

  7. Estou com dificuldade em fazer aumentos no circular, estou tentando fazer um souplast. E nos vídeos q assisti não explica bem como fazer os aumentos. Pq ensinam até certo tamanho mas e se eu quiser fazer maior??

    1. Oi Regiane, em trabalhos circulares não existe uma dica única como esse aumento de final de carreira. Em modelos circulares vai precisar ir experimentando e as únicas regras são:
      – Se formar ondulações diminuir pontos
      – Se ficar repuxando aumentar pontos
      Então vai precisar criar/experimentar. Normalmente quando estou fazendo um trabalho circular sinto que precisa de aumentos quando os pontos começam ficar deitados para o lado da mão que está com a agulha. Se estão alinhados com o trabalho está certo e se estiver deitando pro lado oposto a mão que está com a agulha então significa que está sobrando pontos e vai formar ondulação.
      Quando notar isso desmanche de 5 a 10 pontos e refaça já alterando… aumentando ou diminuindo pontos de acordo com o que citei acima :)

      Grande beijo.

        1. Exatamente meu amigo! Tem que anotar caso vá explicar para alguém, mas se for fazer apenas uma única vez não faz muito sentido anotar… simplesmente fazer sem se preocupar com a anotação.

  8. Olá! Estou fazendo sousplat e está ficando com ondas… Já desmanchei várias vezes, conto os aumentos certinho e ainda sim aparecem ondas, sempre depois da carreira de 4 pontos altos. Onde estou errando? Obrigada!

Desenvolvido por: DAMONTE HOST
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.