Quanto cobrar em meu trabalho?

Você fez seus trabalhos, todos gostaram e surgiram as encomendas… e agora?

– Quanto devo cobrar por um trabalho em crochê?

Bem, a resposta não é tão simples, mas existe algumas formas de se chegar a um valor justo. Uma das fórmulas que muitos utilizam é multiplicando o valor gasto em materiais, por três.

Exemplo:

Valor do material R$50,00 multiplicado por três é igual R$150,00 e este seria o valor a ser cobrado em seu trabalho.. R$50,00 gastos em matéria prima, R$50,00 de mão de obra e R$50,00 será seu lucro.

Porém nem sempre esta fórmula pode ser aplicada, uma peça em crochê com linha fina e com muitos detalhes não seria viável aplicar este calculo visto que o custo do material pode ser baixo porém teríamos muito trabalho na execução da peça. Neste caso recomendo uma outra maneira para chegar a um valor justo.

Digamos que nosso objetivo seja ganhar um salario mínimo trabalhando 8 horas por dia. Na presente data o valor de um salário é R$937,00 Neste caso o valor de uma diária é de R$31,23 e o valor de uma hora de trabalho é de R$3,90 – Este cálculo foi feito seguindo a legislação trabalhista que estabelece, salvo os casos especiais, que a jornada normal de trabalho é de 8 (oito) horas diárias e de 44 (quarenta e quatro) horas semanais, logo são 220 (duzentos e vinte) horas de trabalho mensal. Para outros valores basta multiplicar os valores mensais, diários ou horários de trabalho, exemplo: para ter como alvo 2 salários mínimos precisamos estabelecer como R$7,80 o valor de uma hora de trabalho.

Tem uma tabela ótima para este tipo de cálculo, vale a pena conferir:

Para determinar a quantidade de horas de trabalho, experimente fazer uma peça por uma hora seguida em ritmo normal e sem intervalo, ao final conte a quantidade de pontos conseguiu fazer ou a metragem do trabalho, assim fica fácil ter uma ideia do tempo que gastará dependendo do tamanho da peça. Claro que nunca vamos conseguir uma conta exata, mas o quanto mais aproximar teremos um valor mais justo a ser cobrado. Tendo em mãos os valores podemos estabelecer então um valor justo para um trabalho de crochê, para isso precisamos anotar os valores gastos com matéria prima (barbante, pérolas, valores gastos com deslocamentos para compra dos materiais,etc…) Não contamos os materiais como agulhas, tesouras… que são utilizados nos trabalhos porém são de uso contínuo.

Logo abaixo deixei uma tabelinha onde você preenche os campos que estão com fundo cor laranja, em seguida clique fora da tabela e veja o valor de venda do seu trabalho. Experimente!

Não adianta reclamar que o artesanato não é valorizado. Precisamos oferecer nosso trabalho e apresentar nosso preço, se o cliente gostar do trabalho com certeza vai aceitar e fechar a compra, caso contrário não se aborreça, tenha em mente que por um preço menor seria inviável o trabalho. Não adianta apenas vender, precisamos saber se estamos tendo algum retorno.

Agora já sabendo o valor a ser cobrado resta se prevenir na hora de acertar um trabalho. Antes de começar a confeccionar uma peça sob encomenda, acerte com sua cliente o preço final e exija o pagamento de um adiantamento que pode ser de 50% do valor total e o restante ao finalizar a confecção, desta forma você não fica no prejuízo caso haja desistência por parte do cliente. Em caso de desistência combine o envio de peças que contemple os valores já pagos visto que não temos como fazer a devolução dos materiais que foram comprados.

Mas antes de finalizar quero deixar algumas dicas interessantes. Caso o comprador seja de outra cidade precisamos calcular o valor do frete e isso é bem fácil de ser feito através do site dos CORREIOS. Basta ter em mãos o CEP de destino o peso e as dimensões da caixa a ser enviada. Para acessar o site dos CORREIOS clique AQUI.

Se você vende pela internet, leve em conta os gastos com embalagem, taxas de intermediação de pagamentos (o valor que as operadoras cobram para efetuar uma transação). Apesar de ser um custo relativamente baixo precisa ser levado em conta.

Agora que temos um melhor esclarecimento sobre os valores a serem cobrados em trabalhos de crochê só resta caprichar no trabalho e na embalagem. Nós do blog croche.com.br desejamos a você muito sucesso sempre!

 

 

133 comentários em “Quanto cobrar em meu trabalho?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

A moderação de comentário está ativo. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

  1. gostei das dicas, mas ainda tenho uma pequena dúvida em como cobrar quando a cliente dá o material e eu apenas a mão de obra. Obrigada.

    1. Faz o calculo normalmente como se você tivesse comprado os fios, em seguida desconta o valor dos fios e então terá o valor a ser cobrado.
      Não importa se foi a cliente ou você que tenha comprado os fios, o valor do fio é o mesmo.

      Imagine você ir em um restaurante, levar o arroz cru e pedir o valor do arroz em forma de desconto no prato pronto. O valor do arroz crú é o de menos, preparar o arroz no ponto certo e servir você é outra história!

    1. Oi Fatima, fico feliz por ter ajudado.
      Quanto a tabela, preencha com os valores e clique no lugar do resultado. 😉

  2. Gostei muito da sua matéria, estava com muita dificuldades de estipular os valores. Mas com sua ajuda ,já estou aliviada.

  3. Parabéns e obrigada pelas informações, nem todos têm a coragem de dividir o conhecimento e mostrar o caminho mais fácil para os concorrentes. Adorei, agora é só melhorar no crochê, pois o meu sempre dá problemas na confecção.

  4. Quando vcs estipularem o valor da hora do teabalho de croche independente do modelo e material nada mais será necessario, o problema todo é mão de obra, quanto vale.

    1. Oi Brigite, aí que está a grande questão… Valor de mão de obra vai depender de cada artesão. Como não existe um sindicato próprio para artesãos não existe um valor tabelado para mão de obra, no artigo fiz referência a mão de obra de uma costureira já que esta profissão tem sindicato que regula os preços. Então busque em sua cidade ou estado informação de mão de obra de uma costureira para ter uma noção de como cobrar por sua mão de obra.

      Forte abraço.

    1. Fico muito feliz Patricia!
      Muito obrigado pelo carinho e por deixar seu comentário. Seja sempre muito bem vinda ao blog. :)
      Abraço e tudo de bom sempre.

    1. rsrsrs Lilian, vejo seus comentários! Inclusive o que disse ter visto mencionar você no vídeo. Estou na torcida por você. Abraço.

  5. Excelente explicação. Aprendi a crochetar quando era adolescente (obrigada pela minha mãe). Hoje, reservo um tempo do meu dia pra me dedicar a fazer peças para bebês….faço parte de um grupo de caridade. Estou amando….e outras pessoas pedindo e não sabia como cobrar. Muito obrigada. Parabéns pelo seu blog. Abraço

    1. Obrigado Tania!
      Que legal sua iniciativa, ajudar o próximo é sempre muito bom :)
      Um forte abraço e tudo de bom sempre.

  6. Amei seu blog, vc é muito abençoado por fazer isso, nos ensinar a fazer td direitinho. Agradeço muito vc, e suas dicas são ótimas pra quem está começando como eu.

  7. Gostei do site, o passo a passo bem detalhado, os trabalhos de croche em ponto russo são muito lindos, assim que conseguir fazer vou postar.

  8. adoei o site! tudo bem explicado, detalhado e com imagens facilitando a tirar duvidas! meus parabéns…

  9. Gostei muito do seu trabalho pois muito me ajudou, principalmente no aumento de pontos no final da careira.
    Deus te abençoe!

  10. Estou começando agora a fazer croche e a sua visão de como se portar foi e é muito util e esclarecedora.muito obrigado.Deus te abençoe sucesso,amigão.

      1. Michele entra em contato comigo que faço o serviço para você, meu whats é 11949113228. Trabalho com crochê ha 10 anos.

  11. Boa noite, sou Agente Carcerário em uma unidade penal onde funciona o trabalho de artesanatos de crochê para fins de ressocialização do preso e remição de pena. Ocorre que tenho dificuldade para quantificar o tempo de trabalho de cada um, visto que não existe um acompanhamento do trabalho, apenas a apresentação dos tapetes quando prontos. Precisaria saber qual o tempo médio estimado para se confeccionar uma peça de tapete em crochê, básica, sem detalhes, de 60 centímetros de largura por um metro de comprimento, se puder me responder sem compromisso, me ajudará muito.
    Um abraço, e parabéns pelo trabalho!

    1. Oi Silvio, eis uma questão realmente difícil de responder.
      Cada pessoa tem um ritmo de trabalho e a variação é tão grande que fica complicado determinar a quantidade de horas neste tipo de trabalho medindo o tamanho da peça.
      Vou falar em média meu tempo de trabalho para uma peça assim e espero que sua pesquisa não pare por aqui, pesquise mais para fazer um tempo médio e me proponho a colocar essa enquete no grupo https://www.facebook.com/groups/croche.com.br/ que administro, farei um apelo para contribuirem e em uma semana ou pouco mais teremos um feedback melhor, entre lá para acompanhar e marco você na postagem.

      Se a peça for apenas com pontos altos, estilo crochê filé (aquele crochê que fazemos em carreiras de ida e volta estilo este: http://www.croche.com.br/tapete-coracoes-passo-a-passo/) eu gastaria entre 8 e 12hs de trabalho, mas como eu disse depende da agilidade de cada um.
      Vamos seguir a pesquisa?
      Assim você tira melhores conclusões para conseguir aplicar a remissão de forma justa não causando prejuízo.

      Estarei a disposição no e-mail crochetapetes@gmail.com

    2. Oi, Silvio!!
      Que ótimo uma unidade prisional que ocupa os presos, ensinando algo que possa devolver a dignidade à pessoa. E que bom também o seu empenho em mensurar o aproveitamento de cada um. Parabéns!!

  12. gostaria de fazer uma colcha de croche tamanho king, em ponto zigzag. alguem saberia me dizer qtos novelos de lã mollet 100g eu vou precisar? obrigada

  13. Amo o blog, aprendi os pontos básicos do crochê há 5 meses. Já fiz um tapete redondo é acabei de terminar o tapete russo, ficou perfeito!! Parabéns e obrigada!!

    1. Eba! que maravilha Patrícia, fico muito feliz com a evolução do seu aprendizado e por já ter feito as primeiras peças. Grande beijo e tudo de bom sempre.

  14. Amei seus trabalhoss e foi muito útil as dicas pois, tenho sempre dúvidas em relação a valores.Valeu !!!

    1. Olá,
      peço desculpas pela demora na resposta, estava em recesso e retornei hoje.

      Obrigado pelo carinho!
      Forte abraço.

  15. Boa tarde, querida,

    Amei essa dica, pois sempre cobrava os valores em cima dos materiais multiplicados por 3.

    Agora posso valorizar ainda mais meus trabalhos.

    Obrigada

  16. Parabéns! Seus trabalhos são lindos e o acabamento é fantástico! Sou perfeccionista e valorizo um bom acabamento. Amei o site!

  17. Bom dia!
    Uma dúvida…
    o valor que gastei com barbante, para calcular nos materiais, eu coloco valor do cone/novelo, todo mesmo que não o use tudo no trabalho??

    1. Oi Ingrid, sim… Se você utilizou parte do material a loja onde você comprou não aceita devolução, logo se você nunca mais utilizar estes fios você não pode ficar com o prejuízo. Uma certa vez tive que comprar 16 cores diferentes para fazer uma mandala exatamente como a cliente queria, acontece que as cores são pouco utilizadas, então passei o valor cobrando por 16 cones de fios. Por isso é importante sempre combinar o valor antes, afinal bem diz o ditado, o combinado não sai caro.

  18. Olá. Eu nós foi não só não ql eu gosto muito de é Croché também eu muita trabalho bem?
    Obrigado? Nós Parabéns…

  19. Oi… adoro seu grupo e é aqui nesse site que tiro minhas duvidas sobre pontos…obrigada por taantas dicas úteis..parabéns…. O que eu queria saber e como fazer pra parcelar no cartão,pq tem trabalhos que saem caros e gostaria de facilitar pra minhas clientes… ñ tenho empresa. Atenciosamente

    1. Olá Rose, você tem razão! Facilitar para o cliente é algo que temos que estar sempre atentos. Existe algumas maneiras de oferecer o pagamento parcelado, basta cadastrar-se no pagseguro, bchash, mercado pago… Através deles seus clientes conseguem comprar com cartão e parcelar. Fácil e seguro pra você e também para os clientes.

  20. Tenho garimpado informações sobre o qto cobrar por trabalhos artesanais e venho agradecer pelas dicas preciosas que encontrei por aqui..Grande abraço e Obrigada!

  21. Uma dica que eu dou para calcular a hora de trabalho é utilizar um sistema de time tracking. Tipo o app primaERP:

    Você insere o valor, liga o cronômetro e no final vê quanto deu. O bom é que você pode deixar lá registrado diferentes valores para diferentes tipos de trabalho. Faz até fatura.

  22. Boa tarde! olha vocês estão de parabéns pelo blog são muito importantes as instruções que passam para as pessoas de busca informações muito bom mesmo aprendi como colocar valores nos meus trabalhos. amei obrigada. ..Beijos e Parabéns.

  23. Boa Tarde, coloquei os valor na tabela, cliquei 2 vezes no campo onde deve aparecer o total, porém não apareceu o valor ..

  24. ADORE,,I OS SEUS TRABALHOS O PASSO A PASSO BEM EXPLICADO,, ADORO ARTESANATO, FAÇO CROCHÉ FRIVOLITE BORDADOS EM PONTO CRUZ HARDANGER E TRABALHOS COM RECICLAGEM COM JORNAL E LACRE DE LATINHA

  25. Eu precio de graficos de saia de boneca para pano de prato eu sei pintar mas não tenho os graficos de saia rodada.por favor mande

      1. Seus trabalhos são todos lindos. Amei. Quero dizer também que não conseguir o valor final de venda na simulação em sua tabela, mesmo clicando fora como pede ou dentro da tabela.

      2. Boa tarde,
        Não consigo obter o resultado, preencho a tabela mas não dá o resultado, faço do jeito que você manda após preencher clico duas vezes fora e não acontece nada. Por favor se puder me ajudar te agradeço.

Desenvolvido por: GIRO HOST
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.